HORÁRIO DE ATENDIMENTO:
Seg. a Sex. das 8h às 18h

5 dicas para prevenir lesões no quadril

Dr. Daniel Daniachi Ortopedista e Traumatologista especialista em cirurgia do quadril

O quadril é um dos maiores grupos de articulações que existem no corpo humano, contendo diversos componentes.

Essa importante peça do corpo humano tem a função de sustentar a coluna vertebral e promover o movimento dos membros inferiores.

Porém, por causa dos muitos componentes do quadril, vários tipos de lesões podem afetar a região, causando dor e desconforto.

Ao longo desse artigo nós iremos apontar quais são as lesões de quadril mais recorrentes e daremos 5 dicas para evitá-las, adotando alguns hábitos e um estilo de vida adequado.

Confira, pois é importante! 

imagem que representa lesões no quadril

 

Quais são as lesões de quadril mais comuns?

Frequentemente pessoas se queixam de dores no quadril, o que é o principal sinal de que existe alguma lesão no local.

Essas lesões, por sua vez, são, na maioria das vezes, provocadas por doenças de teor ortopédico que afetam o quadril. 

As principais, são:

  • Artrite e artrose: dá-se o nome de artrite e artrose a desgastes crônicos em articulações, incluindo as articulações do quadril. São mais comuns em idosos;
  • Bursites (bursite trocantérica): inflamação das bursas (bolsas cheias de líquido sinovial), presentes nas articulações do quadril;
  • Compressão do nervo ciático: causa de grande parte dos desconfortos atribuídos ao quadril. É caracterizada por dor e cansaço na perna que começa no quadril e vai até o calcanhar;
  • Desgastes das articulações: podem ter causas diversas e causar doenças como impacto femoroacetabular e osteonecrose da cabeça femoral;
  • Fraturas: podem ocorrer durante a prática de atividades físicas, em atividades laborais (trabalho) ou outras situações diversas;
  • Tendinites: inflamações nos tendões do quadril;
  • Entre outras.

5 dicas valiosas para prevenir lesões no quadril

A maioria das lesões e doenças do quadril são provocadas pelo desgaste natural e pelos maus hábitos.

Portanto, adotar alguns bons hábitos pode ser a chave para se ver livre desses incômodos. Conheça alguns a seguir.

1. Manter-se dentro do peso

Manter o peso ideal pode evitar diversos tipos de problemas, entre eles as lesões no quadril.

Afinal, estar acima do peso aumenta a pressão sobre as articulações do quadril, o que pode danificá-las.

2. Praticar exercícios físicos

A prática de exercícios físicos é imprescindível para o fortalecimento das articulações, ossos e músculos do quadril.

Em especial os músculos, quando estão fortes o suficiente, estabilizam o local e impedem deslocamentos e desgastes.

Assim, a maioria das lesões são evitadas automaticamente.

3. Fazer exercícios de alongamento

Os chamados exercícios de alongamento são complementares à prática de atividades físicas, mas também são importantes para a manutenção do quadril.

Alongar o quadril ajuda a relaxar a região, evitando contraturas e outras lesões musculares no quadril.

4. Cuidar da postura

A má postura é o principal fator de risco para desgastes no quadril em jovens.

Permanecer muito tempo em pé ou sentado, pode favorecer inflamações e contraturas.

Por isso, para evitar lesões no quadril, policie-se e cuide da postura do corpo ao longo do dia.

5. Não negligenciar a dor

Como se sabe, mesmo tomando todos os cuidados, algumas lesões insistem em se instalar no quadril.

Nesses casos, a melhor opção é procurar ajuda médica assim que as primeiras dores aparecerem.

Não ignore a dor, pois uma lesão que apenas está começando pode se estender e tornar-se algo pior.

Em caso de lesão, procure um especialista!

Se você notar alguma alteração no quadril, seja apenas dor ou também dificuldades em realizar movimentos na região, procure ajuda.

O Dr. Daniel Daniachi é especialista em quadril pode não apenas identificar, mas também tratar a sua lesão da melhor maneira possível.

Marque agora a sua consulta!

Preencha o formulário e agende sua consulta

loading...

INFORMAÇÕES DO AUTOR:

Dr. Daniel Daniachi Ortopedista e Traumatologista especialista em cirurgia do quadril

Formado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo (FCMSCSP), possui residência médica em Ortopedia e Traumatologia pela mesma instituição de ensino e subespecialização em Cirurgia do Quadril.
Registro CRM-SP nº 117036.